Pimentos Padrón

Quem não conhece ainda os pimentos padrón? Um petisco tipicamente espanhol (em terras de sua majestade usam até a expressão “pimientos de padrón, unos pican y otros no!“) que consiste em pequenos pimentos ao estilo roleta russa: uns são “normais”, outros picam e bem… super simples de preparar e deliciosos, são uma sugestão perfeita para “apimentar” o início de uma refeição. Gosto particularmente deles acompanhados de pão da aldeia torrado.
 
A receita é bem simples… e que comece a verdadeira roleta gastronómica! Podem comer os pimentos padrón assim simples, ou podem adicioná-los a outros pratos. Eu adoro nos ovos rotos, uma tapa típica espanhola, por exemplo.
 
Continuar a ler

Camembert Panado com Compota

Se tiver que pensar numa das minhas entradas ou tapa favorita… será de certeza este queijo camembert panado, que vai a fritar e fica crocante por fora, derretido no centro… e tem o contraste perfeito entre o quente do queijo e a frescura de uma doce compota… desta vez confesso que fui um pouco preguiçosa. Cortei o queijo em 8 pedaços para me poupar trabalho mas, se preferirem, podem optar por pedaços mais pequenos… ficam adoráveis, e igualmente saborosos!

Continuar a ler

Empada de Atum

Não adoram aquelas empadas de atum que se compram nas padarias, nos hipermercados… aquelas que de caseiras pouco têm, que por norma são congeladas (e depois cozidas) mas nos sabem pela vida? Eu também adoro… por isso mesmo tentei fazer a minha versão em casa e digo-vos que não fica em nada a dever às de compra! Para além de ser bem mais recheada! Quem vai experimentar?!

Continuar a ler

Folhados de Salsicha e Cheddar

Adoro entradas… as entradas levam o meu coração! Elas e os jantares de tapas, porque é tão bom, mas tão bom provar um pouco de tudo não é verdade?! E de vez em quando, aos domingos, gosto de experimentar receitinhas novas, ideias que vão surgindo… e elas passam a ser as entradinhas de domingo!
 
Estes folhados, ao estilo hot dog folhado, foram uma ideia doida que me ocorreu… e ficaram deliciosos! O queijo cheddar é muito saboroso, não podiam ficar maus óbvio! E aquele queijo a escorrer é muito tentador não acham?!

Continuar a ler

Wrap de Frango e Legumes

Inspirada pelas receitinhas da Joana Roque e pelas suas ideias para almoços e jantares para muitas pessoas, experimentei estes wraps para o lanche e devo dizer que ficam ótimos! São super simples de preparar, com ingredientes bem acessíveis e ficam muito bons… seja para festas, seja para levar na marmita. Aqui deixei as quantidades para um wrap apenas, mas se quiserem fazer em maior quantidade, basta dobrarem as quantidades.

Continuar a ler

Salada de Rúcula e Burrata com Molho de Manjericão

Gosto imenso de queijos, apesar de não gostar daqueles mais intensos confesso… e adoro queijos italianos mais suaves como a mozzarella de búfula e a burrata. Esta última é muito parecida com a mozzarella mas é mais cremosa no interior e, na minha opinião, mais saborosa também. No outro dia andava às compras e reparei que cada vez mais se vê burrata por aí… não resisti a trazer uma comigo para experimentar uma salada simples para o jantar… o toque especial vem do molho, que fui inventando na hora e ficou delicioso! Experimentem… vale a pena!
 
Continuar a ler

Bolinhos/Pastéis de Bacalhau

Haverá algo mais português, mais tradicional do que um prato de bolinhos de bacalhau e uma cerveja gelada num dia de calor, ao fim da tarde?! Sim, tremoços também são uma ótima sugestão! Mas os bolinhos são caseiros, feitos com amor, carinho e muita paciência… e valem cada segundo gasto na sua confecção!
 
Os bolinhos de bacalhau de compra não são a mesma coisa… por norma têm mais batata do que bacalhau, não têm aquele “equilíbrio perfeito” de que tanto gostamos! Por isso mãos na massa, vamos fazer bolinhos caseiros!

Continuar a ler

Camarão Salteado com Tomilho e Limão

Há dois dias por semana em que preparo as minhas marmitas (nos restantes almoço em casa) por vários motivos. Em primeiro lugar é muito mais económico e saudável também, porque sei sempre aquilo que como! Mas mais importante que tudo, faz com que evite as tentações… senão preparar o meu almoço e uma frutinha, gelatina, etc. sei que vou acabar por pecar, por comer um croissant recheado, um gelado, um crepe, etc.

E agora com o “calor” tenho preguiça de preparar refeições muito elaboradas, muito pesadas… por isso tenho recorrido muito a estes camarões, a este petisco! Que podem comer assim, como uma entrada tradicional ou, podem fazer como tenho feito, utilizando-os em saladas (coloco alface iceberg, camarões salteados, ovo cozido e molho de alho) ou em wraps (alface, tomate, milho doce, camarões alteados e maionese). São por isso muito versáteis, além de deliciosos!

Continuar a ler