20 Receitas com Limão

A minha mãe sempre adorou limão! Lembro de tentar fazer sobremesas com limão para a impressionar e agradar, mas sem sucesso… Para quem não sabe, antes de ganhar o gosto (e jeito!) pela cozinha e começar este blogue, eu era a pior cozinheira do mundo! Nada do que eu fazia era comestível… e normalmente eu tentava fazer receitas com limão que, apesar das boas intenções, acabavam no lixo… não que tenham sido muitas, mas eram intragáveis!

Felizmente essa realidade mudou e hoje, mais de 10 anos depois, posso dizer que sou a prova viva de que todos nós podemos cozinhar e fazê-lo bem, com gosto e paixão!Além de ser um ingrediente delicioso e versátil (que dá para doces e salgados!), o limão tem muitos benefícios para a saúde. O limão é rico em vitamina C, é um poderoso antioxidante, ajuda a melhorar o sistema imunológico e previne gripes e constipações!

Assim sendo, trago-vos 20 ótimas desculpas… OPS! 20 receitas sensacionais para aproveitarem os limões aí de casa! Porque se a vida te der limões… além da limonada, faz receitas deliciosas!

Mousse de Lima

Chegaram cá a casa dezenas, senão centenas de limas! Nada se estraga, tudo se transforma… e desta vez as limas viraram uma deliciosa mousse!

Esta receita de mousse de lima fica pronta literalmente em 5 minutos! Depois é só esperar que fique bem fresquinha. O resultado?! Uma mousse bem aerada, bem cremosa, ácida no ponto certa e doce q.b. que vai conquistar os vossos sentidos… e a melhor parte?! É muito fácil de preparar e esta receita de Mousse de Lima leva apenas… 3 INGREDIENTES!

Continuar a ler

Bolo de Baunilha com Recheio de Chocolate e Laranja

Hoje é um dia especial. Como o tempo passa a voar… faz 9 anos que me sentei diante de um computador, com muito poucos conhecimentos sobre culinária, e decidi arriscar, decidi criar um espaço para partilhar, para guardar as nossas receitas favoritas, para interagir com outras pessoas, que também adoram cozinhar!

Fico muito feliz por ver que somos cada vez mais nesta “pequena comunidade”, que vai crescendo e aprendendo junta a cada dia… OBRIGADA a vocês, por estarem desse lado!

Este foi um ano diferente, especial, de muita aprendizagem… e se há coisa que aprendi a ferros foi que “mais vale feito, do que perfeito” e, nem de propósito, as fotografias deste bolo não ficaram perfeitas mesmo… inicialmente fiquei chateada, mas lá está… por vezes temos que ceder a nós mesmos e ao perfeccionismo.

Para comemorar trago um bolo que me têm pedido muito… um bolo alto, estilo naked cake, mas com massa de baunilha (porque eu não resisto e faço sempre de chocolate!). Para o bolo de baunilha usei a minha massa favorita, que leva requeijão. Mas não se preocupem, não fica a saber a requeijão e a sua textura fica maravilhosa! Um bolo bem fofo e húmido, como se quer!

Continuar a ler

Bolo de Limão (com Claras)

Claras acumuladas no congelador são um clássico! Principalmente após as épocas festivas, como a Páscoa ou o Natal. Para elas (as claras!) tenho sempre receitinhas na manga… porque cá em casa dizemos não ao desperdício! Nada se perde, tudo se transforma! Desta vez as claras resultaram de um bolo super fofo, de sabor intenso a limão… perfeito para o chá da tarde, para o pequeno-almoço, para levar para a escola ou trabalho.
 
Se precisarem tenho aqui no blogue várias receitas para aproveitar claras AQUI.

Continuar a ler

Sonhos de Abóbora

Hoje é um dia de confissões aqui no blogue. Eu, Bárbara Cardoso, confesso ter cometido um crime severo. Nunca, mas nunca mesmo, em toda a minha vida, tinha comido sonhos de abóbora… nem de cenoura já agora! Sim, é um crime horrendo e hediondo mas, em minha defesa todos os anos fazia os tradicionais Sonhos de Natal… mas este ano tentei redimir-me e comecei pelos sonhos de abóbora!
 
E meu deus, o que andei a perder todo este tempo! Fui recolher esta receita aos caderninhos antigos que temos cá em casa, e como vos hei-de explicar?! Conseguem imaginar um pequeno sonho, super fofinho, que ao mesmo tempo é leve e denso, mas super fofinho mesmo… doce quanto baste, que se desfaz na boca? Pronto, foi o melhor que consegui! Têm que experimentar a receita para perceberem o que quero dizer, sério! Eles desapareceram na hora, nem sobraram para contar a história…

Continuar a ler

Cheesecake de Limão e Canela

Estou apaixonada. As sobremesas em copos individuais têm uma magia especial, a magia do auto-controlo (ou controlo imposto) que faz com que eu coma apenas uma porção de sobremesa e nada mais… não existem desculpas para ir buscar “só mais um bocadinho” e acabar por comer mais duas ou três porções pelo caminho… além de ficarem absolutamente adoráveis!
 
Assim, cada vez mais tenho optado pelas porções individuais. Aproveito os copinhos de vidro dos iogurtes e assim se apresentam estes mini cheesecakes que, mesmo sendo pequenos, ficam uma delícia e são muito facéis de preparar… é questão para dizer que “as sobremesas não se medem aos palmos”…

 

Continuar a ler

Bolo de Requeijão e Citrinos

Havia um requeijão sozinho, abandonado no frigorífico. Sem destino certo, sem futuro à vista. Triste e solitário. Até que vi uma receita maravilhosa, num blogue que adoro, e decidi adaptar (uma vez mais!) aos gostos cá de casa. Adoramos bolos de laranja, limão, tangerina, de belos e sumarentos citrinos que fornecer a sua casca (replecta de óleos perfumados) e o seu sumo. E porque não juntar todos? Reunir o melhor de cada um, num único bolo?!
 
E assim foi… e assim nasceu um bolo simples, delicioso, com uma textura que faz lembrar as pequenas queijadinhas… um bolo a repetir sem dúvida!

Continuar a ler

Tarte de Nata

Os pastéis de nata são uma das mais tradicionais e populares especialidades da doçaria portuguesa. No final do século XVII vários conventos e mosteiros de Portugal produziram uma gama diversa de pastelaria e doçaria à base de ovo, utilizando as sobras das claras de ovo utilizadas na lavagem de roupa e no processo de produção de vinho.
 
Com a expulsão das ordens religiosas e o encerramento de muitos conventos e mosteiros no rescaldo da Revolução Liberal de 1820, esta receita saiu dos conventos e tornou-se um ex libris da doçaria portuguesa. Desde então, clientes locais e visitantes provam estes deliciosos pastéis polvilhados com canela e açúcar em pó, acabados de sair do forno.
 
O número de casas especializadas em pastéis de nata no Porto tem vindo a aumentar e eu, como boa apreciadora desta iguaria, tenho ido experimentar algumas delas, registando sempre a minha opinião na Zomato. Já visitamos a Manteigaria (uma fusão com a Delta Q), a Fábrica do Pastel de Nata e a Nata Lisboa… e a saga continua!
 
E assim ocorreu-me que, já há muito tempo, que não fazia um pastel de nata gigante (porque a minha preguiça é maior ainda… e untar dúzias de formas dá muito trabalho!). Coloquei então mãos à obra e fiz uma versão mais fiel ao seu nome, uma versão com natas. Mas existe já uma versão “tradicional” de Pastel de Nata aqui no blogue, igualmente deliciosa…

 

Continuar a ler