Gratinado de Batatas com Ervas

Eu sei, o aspecto deste gratinado de batatas não é o melhor do mundo… mas! Devo dizer-vos que é simplesmente delicioso… estou tão, mas tão viciada nesta receita… tem sido o acompanhamento de vários pratos de carne e peixe cá em casa e, confesso, era capaz de comer uma assadeira destas cozinha, como prato principal até! Delicioso… provem por favor!
 
Continuar a ler

Brócolos com Molho Branco

Brócolos têm sido o legume mais utilizado em receitas aqui no blogue nos últimos tempos! Isto porque nada se desperdiça! Se a vida te der brócolos vais ter que usar a criatividade… e nos últimos tempos já fizemos Brócolos Gratinados com Atum, Empadão de Pescada e Brócolos, Tarte de Brócolos, Brócolos Salteados, Creme de Brócolos e Tomilho e Bacalhau no Forno, mas ainda não tinha partilhado como faço os Brócolos com Molho Branco, ou com molho bechamel convosco. Falha grave! Porque é muito simples de preparar (dá até para deixar adiantado e depois é só colocar ao forno!) e é um acompanhamento muito saboroso, de peixe ou carne.
 
Continuar a ler

Cogumelos Salteados com Limão e Ervas

Uma boa quantidade de cogumelos frescos estava no frigorífico a pedir para serem utilizados já, então resolvi fazer um acompanhamento bem simples para o jantar, para acompanhar uns bifinhos de frango grelhados com arroz branco… cogumelos salteados! São deliciosos e muito simples de preparar… é impressionante como algo tão simples funciona tão bem: cogumelos com ervas aromáticas e limão!

Continuar a ler

Brócolos Salteados

Há alguns dias pedi sugestões no Facebook para receitas com brócolos congelados, e muitos sugeriram fazer os brócolos salteados com um fio de azeite e alho e devo dizer-vos… que delícia! Ficam simplesmente incríveis, é uma ótima forma de comer brócolos, de adicionar uma dose extra de legumes à refeição, seja ela de peixe ou carne!

Continuar a ler

Legumes Salteados

Uma das melhores coisas do Inverno é pudermos variar nas saladas. Podemos fazer saladas quentes incríveis, aproveitando o melhor dos legumes, sem adicionar gorduras ou grandes molhos. Eu pessoalmente adoro! Tudo pode ser acompanhado por uns bons legumes salteados: peixe ou carne grelhada ou panada, um bom assado, etc. E vale diversificar nos legumes! Cá em casa os mais usuais são: curgetes, cenoura, couves de Bruxelas, cogumelos frescos, tomates, cebolas, pimentos, feijão verde, etc. Mas podem utilizar muitos outros legumes, o que tiverem à mão, na despensa, no frigorífico… tudo vale! O limite é a vossa imaginação.

Continuar a ler

Salada de Curgete Grelhada

Desde que os meus avós vieram para Portugal reformados, há quase um ano atrás, que o meu avó se tem dedicado a uma horta biológica, e também à criação de pássaros. Desta horta têm vindo todo o género de legumes e seus derivados: cebolas, ervilhas e ervilhas de quebrar, vagens, pepinos, curgetes… e neste momento temos um excessivo stock de curgetes, o que é fantástico! Obriga-nos a pôr a nossa imaginação à prova, obriga-nos a criar várias receitas deliciosas para evitar o desperdício deste legume tão preciso (sem aditivos e sem pesticidas, como gosta de salientar o meu avó!).
 
Por isso nada melhor, neste retorno, do que uma salada de curgete bem saudável e deliciosa, para aproveitar o que de melhor a natureza, e as mãos do meu avó, nos dão. O acompanhamento perfeito dos tradicionais grelhados de Verão, sejam eles de carne ou de peixe…

Continuar a ler

Salada Fresca de Couves e Cenoura

Nunca tive provado uma salada assim… até estar a estagiar; foi lá que experimentei e devo dizer que gostei bastante, embora achasse que levava maionese em excesso. Então resolvi fazer a minha versão, em casa, com maionese e o meu molho favorito da Paladin, que tem um sabor mais intenso.
É uma salada fresca, saudável, crocante e muito agradável que acompanha na perfeição pratos de carne e peixe, ficando divinal com carnes grelhadas e churrasco. Muito simples de confeccionar também e cheia de nutrientes… só bons motivos para experimentar!
Nesta salada utilizei o Sal&Vida, produto da qual sou embaixadora, e como se aproxima do fim o período da campanha, aproveito este post e esta receita para dar a minha opinião, de forma breve, sobre este produto em específico. O produto é ótimo para quem tiver problemas de saúde e não puder consumir sódio, e é o tempero ideal para saladas, sem dúvida alguma! Super fácil de aplicar, é mesmo muito prático e útil nesse aspecto, mas no que diz respeito a pratos quentes digamos não fiquei totalmente convencida; acho que é necessário pulverizar demais para conseguir obter aquele sabor mais intenso, ligeiramente salgado.

Podem adquirir estas e outras tábuas de madeira no site da Gradirripas.

Ingredientes:

Preparação:

1. Lave bem as couves e corte-as em juliana, o mais finamente possível.
2. Misture as couves em juliana com a cenoura ralada. Adicione a maionese e o molho de alho e coentros, envolvendo bem.
3. Tempere com pimenta e pulverize cerca de 10 vezes com sal. Reserve no frigorífico e retire a salada 20 a 30 minutos antes de servir.

Mimos de Pescadas Enrolados em Bacon com Puré de Ervilhas e Hortelã

Se tiver que escolher o meu peixe favorito sem pensar muito no assunto, escolho sem dúvida os mimos e filetes de pescada sem espinhas. São práticos, versáteis, saborosos, rápidos de confeccionar e não têm espinhas… só vantagens para mim!
As receitas que podemos confeccionar com eles são diversas… e o melhor de tudo é que ficam sempre perfeitos, bem suculentos e saborosos. E, há algum tempo, ao pensar na combinação típica de ervilhas e bacon, decidi experimentar esta receita, que ficou super aprovada cá em casa… a combinação é muito simples, bem como os ingredientes que leva. São ingredientes que todos temos no frigorífico, na despensa e que fazem uma refeição diferente e deliciosa!
Recomendo sem restrições, e tenciono fazê-la brevemente… o puré é ótimo, é diferente do tradicional puré de batata que, apesar de eu ser viciada nele, torna-se um pouco monótono ao fim de algum tempo… por isso decidi que vou variar nos próximos purés, introduzindo novos legumes e sabores.
Mimos de Pescada do Cabo Pescanova utilizados nesta receita.

Ingredientes:

Ingredientes para o puré:

  • 800 g ervilhas congeladas
  • 2 batatas grandes
  • 50 g de manteiga
  • leite meio gordo q.b.
  • hortelã fresca q.b.
  • mistura de 5 pimentas q.b.
  • sal Necton q.b.

Preparação:

1. Deixe os mimos de pescada a descongelar e, seguidamente, coloque-os num recipiente para marinarem, cobrindo-os com leite, temperando com sal, pimenta e o sumo de limão.
2. Entretanto num tacho coza as ervilhas e as batatas em água temperada com sal.
3. Quando as batatas estiverem cozidas junte a hortelã e deixe ferver mais 5 a 10 minutos.
4. Entretanto retire os mimos de pescada da marinada e enrole cada um deles numa fatia de bacon. Leve ao forno numa assadeira tapada com papel de alumínio cerca de 10 minutos.
5. Numa frigideira coloque uma noz de manteiga e um fio de azeite e grelhe os mimos de pescada até estes estarem cozinhados e o bacon dourado.
6. Escorra a água da cozedura e coloque novamente as batatas e as ervilhas no tacho. Reduza tudo a puré usando o pisa-batatas da Tupperware.
7. Adicione um pouco de leite e leve o puré ao lume, retificando os temperos e adicionando mais leite consoante a consistência pretendida.
8. Passe o puré novamente com a varinha mágica, para fica mais macio. Adicione a manteiga, misture tudo muito bem e sirva juntamente com os mimos de pescada.

Filetes Caseiros de Pescada com Risotto de Ervilhas

Filetes Caseiros de Pescada Pescanova utilizados nesta receita.

Ingredientes para 2/3 pessoas:

Preparação:
1. Num tacho leve ao lume a cebola finamente picada e um fio de azeite.
2. Deixe refogar bem, adicione o arroz e misture tudo e deixe cozinhar cerca de 2 a 3 minutos e adicione as ervilhas e tempere com sal a gosto.
3. Adicione um pouco de caldo de legumes e deixe o arroz absorvê-lo, adicionando caldo novamente apenas quando o arroz o tiver absorvido todo. Repita o procedimento até o arroz estar cozinhado.
4. Entretanto leve uma frigideira com óleo ao lume e frite os filetes de pescada cerca de 3 minutos de cada lado. Quando estiverem cozinhados coloque-os sobre papel absorvente.
5. Adicione pimenta ao arroz e retifique o sal. Sirva de imediato acompanhado com os filetes de pescada.

Dica: Para fazer o caldo de legumes eu retiro água da sopa antes de passar a varinha mágica para triturar os legumes; retiro cerca de 500 ml e adiciono outros 500 ml de água a ferver, tempero com um pouco de sal, adiciono o açafrão das Índias e misturo bem.