Puré de Abóbora (congelação)

Tenho algumas abóboras no jardim. Umas que os pais do F. trouxeram semana passada de Bragança e uma outra que já lá está há uns meses. Normalmente utilizamos apenas a abóbora para sopa; retiramos-lhe a casca e as pevidas, cortamos em cubos e congelados em sacos apropriados mas, como devem calcular, uma abóbora quase inteira no congelador ocupa muito espaço.
 
Assim pesquisei todo o tipo de doces que podia fazer com puré de abóbora… sim, puré de abóbora! Que depois congelei em doses de 250 e 500 g (em caixas herméticas) para as mais variadas sobremesas que tenho em mente: bolos, muffins, tarte de abóbora, queijadas de abóbora, entre outras. E, a pedido de alguns seguidores do Facebook, partilho hoje como fiz o puré. Espero que vos seja útil!

Puré de Abóbora (congelação)

Ingredientes:

  • 1 abóbora
  • sal q.b.

Preparação:

1. Retire a casca e as pevides à abóbora e corte-a em cubos.
2. Coloque a abóbora numa panela, juntamente com uma pitada de sal, e adicione água quente até cobrir a abóbora. Deixe cozinhar durante cerca de 30 a 45 minutos, até a abóbora estar cozida e macia.
3. Com uma escumadeira retire a abóbora da panela e coloque-a numa peneira, esmagando-a com a ajuda de um garfo e pressionando para retirar o máximo de água possível. Se necessário use uma colher de sopa para pressionar a abóbora, retirando mais água.
4. Aproveite a água de cozer a abóbora para fazer sopas e creme de legumes, adicionar a risottos ou fazer caldos de legumes; esta água está cheia de nutrientes, não a desperdice.
5. Deixe arrefecer e coloque o puré em caixas herméticas em porções para congelar.
 

Também pode gostar de

10 comments

  1. Olá!Cá em casa, para além das sopas, utilizamos muito a abóbora ou mogango para fazer uma espécie de pastéis doces. Na terra da minha mãe no Alto Alentejo chamam-lhe Bolinhos de Mogango. Adoro e sempre que aparece uma cá por casa há sempre alguém a pedir os ditos bolinhos :)Cá vai a receita (tudo a olho!):Puré de abóboraFarinhaAçúcarCanelaÓleoMistura-se o puré de abóbora com a farinha, uma pitada de canela e um pouco de açúcar (não muito) até ficar uma massa ligeiramente presa de forma a moldar pastéis (do género dos pastéis de bacalhau) com duas colheres. Fritam-se em óleo em lume brando, colocam-se numa travessa com papel absorvente para retirar o excesso de gordura e passa-se por uma mistura de açúcar e canela. São deliciosos! Experimente!Beijinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.